18 de November de 2017 9:58:22

Sofrendo um gol no apagar das luzes, Londrina é derrotado pelo Luverdense

O Londrina perdeu para o Luverdense por 1 a 0, na noite deste sábado (26), no Estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde (MT), pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O gol do clube do Mato Grosso foi marcado por Guly. Com o resultado, o alviverde sobe uma posição, chega à 15ª colocação com 27 pontos. Já o alviceleste paranaense continua com 30 pontos e cai para a 13ª posição. Na próxima rodada, o clube mato-grossense visita o Criciúma, no interior catarinense, no sábado (9), às 16h30, no Estádio Heriberto Hulse. No mesmo dia e horário, o Tubarão irá receber o Ceará, no Estádio do Café.

Londrina foi melhor, carimbou a trave de Diogo Silva, mas o placar ficou zerado

Aos 4 minutos, a primeira chegada com perigo do Londrina, Germano recebeu na intermediaria e arriscou para o gol, Diogo Silva defendeu. Na jogada seguinte, Marcos Aurélio cobrou falta frontal, bateu forte, a bola quicou na frente de César, que espalmou para escanteio. Com 25 minutos, Jardel lançou para Carlos Henrique, no meio do caminho, Artur dominou ela e tentou o chute, mas foi travado e a bola saiu pela linha de fundo.

Aos 26′, Ayrton tabelou com Celsinho e bateu cruzado, a bola bateu no pé da trave de Diogo Silva e em seguida, a defesa do Luverdense afastou. Com 43 minutos, Artur acionou Carlos Henrique, que dominou e bateu no contrapé de Diogo Silva, o arqueiro do time alviverde fez a defesa e no rebote, a defesa afastou. Um minuto depois, Artur cruzou na área e Carlos Henrique cabeceou fraco para o gol, Diogo Silva ficou com ela. No lance seguinte, Sérgio Mota armou contra-ataque e bateu para o gol, César espalmou para fora.

O Londrina sofreu pressão, César se destacou e o Luverdense marcou o gol da vitória no último lance

Com 8 minutos da segunda etapa, a primeira grande chegada, Aderlan cruzou, Rafael Silva testou e a bola passou muito perto da meta de César. Um minuto depois, Marcos Aurélio cobrou escanteio na cabeça de William, que cabeceou e César faz uma ótima defesa. Aos 19 minutos, Artur tabelou com Celsinho, entrou na área e fez o gol, mas a arbitragem marcou impedimento.

Com 21 minutos, depois de cruzamento, Douglas Baggio chegou de peixinho e testou firme, o goleiro César fez uma defesa incrível, evitando o gol do Luverdense. No lance seguinte, Marcos Aurélio ficou com o rebote e bateu para o gol, a bola passou muito perto da meta de César.

Com 36 minutos, Marcos Aurélio bateu a falta por baixo, ninguém do Luverdense conseguiu desviar e a bola beijou a trave de César, depois saiu pela linha de fundo. Dois minutos depois, Léo Cereja bateu para o gol, César espalmou, na sequência, Aderlan bateu para o gol e o arqueiro alviceleste defendeu.

Aos 45′ Sérgio Mota ficou com a bola de frente para o gol, bateu firme e César faz boa defesa. Três minutos depois, Marcos Aurélio cobrou escanteio, Guly subiu mais que a defesa do Londrina e testou para o fundo das redes de César, 1 a 0 Luverdense.

FICHA TÉCNICA
LUVERDENSE X LONDRINA

Luverdense: Diogo Silva; Aderlan, Pablo, William e Paulinho; Moacir (Guly), Marcos Aurélio e Sérgio Mota; Rafael Ratão (Alfredo), Douglas Baggio (Léo Cereja) e Rafael Silva. 
Técnico: 
Júnior Rocha.

Londrina: César; Reginaldo, Dirceu, Edson Silva e Ayrton; Germano (Bidía), Jardel, Rafael Gava (Patrick Vieira) e Celsinho; Artur e Carlos Henrique (Safira).
Técnico: Cláudio Tencati.

Local: Estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde (MT)
Data/ Horário: 26/08/2017
Árbitro: Cláudio Francisco Lima e Silva (SE)
Assistentes: Cleriston Clay Berreto Rios (SE) e Vaneide Vieira de Góis (SE).

Público/ Renda: 1.144 pagantes/ 1.444 total
Cartões amarelos: Moacir e Pablo (Luverdense); Dirceu (Londrina)
Gols: Guly aos 48′ do 2º tempo (Luverdense).

Foto: Gustavo Oliveira/ Londrina EC Oficial.

Siga em:
Para reencontrar o c
Atlético-PR joga ma

Jornalista, formado na Unopar em 2015. Nasci e moro em Londrina. Apaixonado por esportes. Gosto de praticar aquele futebolzinho de final de semana. Futebol não é apenas um esporte, mas sim uma forma de viver.

Classifique este artigo