Com decisão em aberto, Operário enfrenta Cuiabá em busca do título da Série C

Os últimos quatro anos do Operário Ferroviário foram brilhantes. Desde 2015, o Fantasma acumula conquistas expressivas em âmbito estadual e nacional, fazendo desse o período mais vitorioso do clube. Mas neste sábado (22), a trajetória gloriosa pode ganhar um novo capítulo. Isso porque o Alvinegro decide o título da Série C do Campeonato Brasileiro diante do Cuiabá (MT). Na partida de ida, em Ponta Grossa, as equipes empataram em 3 a 3. Portanto, uma vitória fora de casa dá a taça ao Operário.

O Fantasma terá quatro desfalques para a decisão. O volante Índio e o atacante Lucas Batatinha não se recuperaram de lesões a tempo e não foram relacionados. Além disso, o meia Xuxa passará por procedimento cirúrgico e só volta a jogar no próximo ano. Por fim, o atacante Schumacher foi o único expulso na confusão generalizada no fim do primeiro jogo da final e está suspenso. A única boa notícia é a volta de Léo, que cumpriu suspensão no último jogo e deve ser titular.

A conquista da Série C significaria o segundo título nacional da história do Operário. Em 2017, o Fantasma foi irretocável na Série D do Campeonato Brasileiro e sagrou-se campeão do torneio. Boa parte da base da conquista foi mantida para a atual temporada, e vários jogadores podem conquistar o ‘bicampeonato’ com o clube. Além disso, o Alvinegro poderá se tornar apenas o segundo clube do estado a erguer a taça do terceiro nível do futebol nacional – que foi conquistada em 2000 pelo Malutrom, clube que originou o JMalucelli.

FICHA TÉCNICA
CUIABÁ X OPERÁRIO

Cuiabá: Victor Souza; Jean, Ednei, Edson Borges e Danilo; Alê, Marino e Eduardo Ramos; Jenison, Adriano Pardal (Hiltinho) e João Carlos.
Técnico: Itamar Schülle

Operário: Simão; Léo, Sosa, Alisson e Peixoto; Chicão, Erick, Cleyton e Robinho; Dione e Bruno Batata.
Técnico: Gerson Gusmão.

Local: Arena Pantanal, em Cuiabá (MT).
Data/Horário: 22/09/2018, às 19h.
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (FIFA-RJ).
Assistentes: Michael Correia (RJ) e Silbert Faria Sisquim (RJ).

Foto: José Tramontin/Operário Ferroviário Oficial

Siga em:
Mesmo folgando na ro
Em noite de estreia

Estudante de Engenharia, fanático por futebol. Encontro nos textos uma forma de desenvolver novas aptidões e acompanhar de perto os bastidores do futebol.

Classifique este artigo