16 de October de 2017 7:48:55

No plenário, Dep. Evandro Roman propõe apuração à decisão proferida do STJD

Em discurso no plenário da Câmara dos Deputados na última terça-feira (11), o Dep. Evandro Roman (PSD-PR) manifestou indignação com a decisão do Supremo Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e caracterizou como autoritária ao permitir a continuação do Campeonato Paranaense, ferindo o artigo 9º do Estatuto do Torcedor e artigo 8º do Regulamento Geral de Competições: “Situação lamentável e deprimente. Esse absurdo fere o Estatuto do Torcedor, o Regulamento do campeonato, todos que acreditaram no regulamento e mancha o futebol paranaense. A quem está servindo essa decisão? Precisamos urgentemente de uma posição do Tribunal!” afirmou o Deputado.

Roman propõe que a Comissão do Esporte (CESPO) apure a atuação do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) diante da decisão proferida com relação à alteração no Campeonato Paranaense de Futebol. “Se nenhuma das ações movidas pelos atingidos solicitava a mudança ou alteração no chaveamento do campeonato, então, eu pergunto a quem a decisão proferida pelo tribunal desportivo está servindo? É lamentável termos essa situação no nosso campeonato. Todo estado do Paraná está indignado e não vamos permitir que uma decisão autoritária do STJD estrague a beleza do campeonato estadual” concluiu o ex-árbitro FIFA.

Os atos aos quais se requer a fiscalização e controle, consistem no que diz respeito à decisão proferida que optou por reescalonar os times classificados para a segunda fase do Campeonato Paranaense de Futebol de 2017 de forma diferenciada à definida pelo regulamento do campeonato, reorganizando-os através da mera substituição do time punido J. Mallucelli, pelo time Rio Branco-PR com o argumento de que esta seria a solução menos onerosa para os clubes participantes.

Clique aqui e assista o pronunciamento do Deputado Evandro Roman.

Foto Site oficial Dep. Evandro Roman.

Siga em:
Foz Cataratas/Coriti
Com Maracanã lotado

Curitibano. Jornalista formado pelo Centro Universitário Uninter. Coordenador de jornalismo do Redação em Campo. Editor, produtor e diretor de TV. Apaixonado por esportes olímpicos.

Classifique este artigo