Nacional AC empata com o Apucarana Sports e é campeão da Terceirona

O Nacional AC empatou por 0 a 0 com o Apucarana Sports no jogo de volta da final do Campeonato Paranaense da Terceira Divisão. Com o resultado, se sagrou campeão da Terceirona de 2018. A partida de ida foi 1 a 0, em Apucarana (PR), gol do zagueiro Carlão. As duas equipes estão garantidas na Segundona de 2019.

Nacional AC comemora título de campeão da Terceira Divisão Paranaense de 2018. Foto: Jefferson Bachega/Redação em Campo

Equipes criam pouco e uma grande chance para cada lado, porém, o placar ficou zerado

A primeira chance foi da equipe da casa, aos 3 minutos, Alex Ricardo recebeu de frente para o gol e arriscou, Pablo segurou firme. Com 17′, Aldry limpou da marcação e chutou para o gol, a bola foi à esquerda de Pablo. Dois minutos depois, Adaílton Bravo desceu pela direta e cruzou forte rasteiro, Matheus Paraná apareceu de frente para o gol, mas furou na hora do chute.

Aos 24′, Rico pegou a sobra e tentou o chute de primeira, a bola passou por cima da meta de Nilton. Dois minutos depois, Rafael lançou para Salatiel dentro da área, o centroavante dominou e tentou tirar de Nilton, mas mandou por cima do gol do NAC. Com 28 minutos, Adaílton Bravo ganhou da marcação, avançou e tentou o chute cruzado, a bola saiu pela linha de fundo.

Aos 32 minutos, Celinho cobrou falta curta para Mateus Issa, que arriscou por cima do gol. No minuto seguinte, Matheus Paraná roubou a bola e acionou Adaílton Bravo, que tentou um chute colocado, mas a bola foi à esquerda de Pablo. Com 45′, Matheus Paraná desceu pela esquerda, entrou na área e deixou de calcanhar para Adaílton Bravo, ele finalizou por cima do gol do Dragão do Norte.

Chuva prejudica o segundo tempo e as equipes pouco criaram

Aos 6 minutos da segunda etapa, Vitinho tentou o cruzamento, a bola pegou efeito e Nilton mandou para escanteio. Um minuto depois, Diego Paulista cobrou falta, a bola passou pela marcação e Carlão afastou para escanteio, quase marcando contra. Com 12′, Peu cobrou falta frontal ao gol e mandou para fora. Aos 16 minutos, Rafael pegou a sobra na entrada da área e bateu firme, Nilton caiu no canto esquerdo e espalmou, na sobra, Vitinho foi travado pelo goleiro, que mandou para escanteio.

Com 23′, Celinho arriscou de longe e Nilton fez a defesa em dois tempos. Com a chuva forte no Estádio Érich George, a condição do gramado começou a apresentar muitas poças, principalmente na parte central do campo. As equipes começaram a abusar de lançamentos e bolas aéreas. Aos 45 minutos, Rico arriscou o chute e a bola foi por cima do gol.

Aos 48 minutos, uma confusão entre jogadores do Nacional AC e Apucarana Sports paralisou a partida. Enquanto o árbitro separava os atletas junto com a polícia, torcedores do Apucarana Sports invadiram o gramado e agrediram os jogadores do banco de reservas do NAC. Com isso, alguns torcedores do Nacional AC também adentraram no gramado.

FICHA TÉCNICA
NACIONAL AC 0 X 0 APUCARANA SPORTS

Nacional AC: Nilton; Aldry (Rhuan), Carlão, Renan e Peu; Lucas Garcia, Mychell (Leandro), Lucas Matheus (Josemar) e Alex Ricardo; Adaílton Bravo e Matheus Paraná.
Técnico: Índio Ferreira.

Apucarana Sports: Pablo; Romário, Douglas, Anderson Penna e Mateus Issa; Rico, Rafael e Celinho; Diego Paulista (Vinícius), Vitinho (Vidal) e Salatiel (Ramon).
Técnico: Vavilson dos Santos.

Local: Estádio Érich George, em Rolândia (PR)
Data/ Horário: 18/11/2018, às 16h
Árbitro: Rogério Menon da Silva
Assistentes: Júlio César de Souza e Vinícius Leandro Moreira Martins.

Público/ Renda: não divulgado.
Cartão amarelo: Rafael e Romário (Apucarana Sports)
Cartão vermelho: Matheus Paraná (Nacional AC); Vidal (Apucarana Sports).
Gols: Não houveram gols.

Foto: Jefferson Bachega/ Redação em Campo. 

Siga em:
Valendo título! Em
Jogando no Estádio

Jornalista, formado na Unopar em 2015. Nasci e moro em Londrina. Apaixonado por esportes. Gosto de praticar aquele futebolzinho de final de semana. Futebol não é apenas um esporte, mas sim uma forma de viver.

Classifique este artigo