15 de December de 2017 2:49:23

Em clima de Libertadores, Atlético Paranaense empata sem gols com o Peñarol

O Atlético Paranaense voltou à Arena da Baixada, em Curitiba, para um amistoso internacional diante o time Peñarol (Uruguai). Na noite de 25 de janeiro o rubro-negro apresentou o elenco à torcida e contou com a estreia das contratações Felipe Gedoz e Luis Henrique. Além dos novos contratados, Paulo Autuori lançou o jovem Luiz Otávio na função de primeiro volante.

A equipe paranaense estreia pelo estadual no próximo domingo (29), às 17h, contra o Rio Branco, em Paranaguá. O comandante atleticano deve poupar os jogadores para a primeira partida da Libertadores da América, quarta-feira (01) da semana que vem, quando o Furacão receberá o Millinários (Colômbia).

Muitos cartões e pouco jogo

O primeiro tempo não teve nada de amistoso, o clima de amizade do começo do jogo pareceu ter ficado para o lado de fora de campo. O árbitro Jhonatan H. Andrade distribuiu sete cartões amarelos. A etapa inicial teve amplo domínio rubro-negro, com destaque para Pablo, o atacante atleticano jogando pela ponta esquerda fez um excelente primeiro tempo.

Aos dez minutos o Atlético reclamou de um pênalti não marcado, o árbitro marcou falta fora área. O time de Paulo Autuori teve a chance de inaugurar o placar com Gedoz, Pablo passou por cima da bola e Gedoz chutou forte, a bola explodiu na barreira. O Peñarol pouco fez na primeira etapa, somente um chute ao gol realizado por Gastón Rodrigues, facilmente defendido pelo goleiro Santos.

Brigas e placar fechado

No segundo tempo o cenário não foi muito diferente, o Atlético realizou substituições para Autuori utilizar todo elenco. Destaque para o menino da base Matheus Anjos que também fez sua estreia no time prncipal. O futebol parece ter ficado de lado, com toda a catimba sul-americana, entradas fortes, até que aos 26 minutos uma falta mais dura no Nikão, gerou uma briga generalizada, o meia do Atético-PR e Guzmán Pereira do time uruguaio foram expulsos. Três minutos mais tarde Angél Rodriguez também recebeu cartão vermelho, por falta dura em Léo.

Chances reais de gol foram poucas, com o campo de jogo mais aberto, o Atlético teve a oportunidade de vencer o amistoso internacional, Crysan recebeu o cruzamento de Luis Henrique e só com o goleiro à sua frente acabou finalizando para fora, perdendo a chance no último lance da partida.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO (PR) 0 X 0 PEÑAROL

Atlético: Santos; Jonathan (Léo), Paulo André (Wanderson), Thiago Heleno (Marcão) e Nicolás (Sidicley); Luis Otávio, Lucho Gonzales (Matheus Rosseto), Felipe Gedoz (Crysan), Pablo (Matheus Anjos) e Nikão; Luis Henrique.
Técnico: Paulo Autuori

Peñarol: Gastón; Alex Silva, Ronaldo Conceição (Maximiliano), Ariás e Petrick; Nathian, Guzman Pereira, Matías Mier (Marcel Novick), Gastón Rodriguez; Junior Arías (Angél Rodriguez) e Mauricio Affonso (Tomás Costa).
Técnico: Leonardo Ramos

Local: Arena da Baixada, em Curitba (PR).
Data/Horário: 25/01/2017, às 20h.
Árbitro: Jhonatan H. Andrade
Assistentes: Lucas de Andrade Amaral e Priscila Cremonez

Público/Renda: 29.367 total / Renda
Cartões Amarelo: Luis Henrique, Luiz Otávio e Nikão (Atlético): Ronaldo Conceição, Matías Mier, Gastón Rodríguez, Hernán Petryk, Ramón Arias e Marcel Novick (Peñarol).
Cartões vermelhos: Nikão (Atlético); Guzmán Pereira e Ángel Rodríguez (Peñarol).

Siga em:
Com time jovem, Para
Grêmio Maringá pod

<p>Jornalista, aficionado por esportes, encontrei na profissão um meio de estar mais próximo deste universo.</p>

Classifique este artigo