Cianorte perde fora de casa para o Tubarão na primeira rodada da Serie D

O Cianorte fez sua estreia hoje no Campeonato Brasileiro da Série D enfrentando a equipe do Tubarão-SC, no Estádio Domingos Silveira Gonzales, em Tubarão-SC. Mas o Leão do Vale não conseguiu estrear bem e acabou perdendo por 1 a 0. O único gol da partida foi marcado pelo atacante Magno Alves no segundo tempo.

Agora o Leão do Vale volta a campo no próximo domingo(29), onde faz sua estreia em casa contra a equipe da Ferroviária, às 16h, no Estádio Albino Turbay. Já o Tubarão, encara o Novo Hamburgo fora de casa. Com a derrota o Cianorte ficou em quarto no grupo com nenhum ponto somando, já que Ferroviária e Novo Hamburgo empataram em suas estreias.

Primeira etapa pouco movimentada

Jogando em casa e contando com o apoio do seu torcedor o Tubarão foi para ataque, e com apenas um minuto de jogo os donos da casa chegaram com perigo com Italo, mas o zagueiro Montoya afastou a bola. O Peixe continuava no ataque e o Cianorte se defendia e tentava encaixar um contra-ataque. O Leão do Vale chegou pela primeira vez no ataque aos 10 minutos, mas o cruzamento na área não foi muito efetivo.

Quando se caminhava para metade da primeira etapa, a partida ficou mais equilibrada, o Cianorte começou a chegar com mais frequência ao ataque, principalmente nas bolas paradas. O Tubarão tentou chegar com perigo aos 25 minutos, o meio campista Guilherme Amorim arrisou de longe, mas a bola foi fraca e sem perigo para o goleiro João Gabriel.

O jogo seguia sem muitas chances claras para as duas equipes, os donos da casa voltaram a chegar ao ataque, mas apenas nas bolas paradas. Os visitantes voltaram a chegar no ataque aos 38 minutos, após falha da defesa do Tubarão, Thomas Anderson recebeu a bola, girou sobre a marcação e finalizou, mas a bola acabou indo sem muita força para o gol. A primeira etapa sem muitas chances claras de gol.

Tubarão-SC pressiona e consegue o gol

A partida voltou para segunda etapa movimentado, com lances para os dois lados. O Peixe chegou com perigo aos 6 minutos, Laércio cruzou a bola na área, a defesa do Cianorte afastou a bola, mas acabou sobrando para Branquinho, que finalizou de primeira, mas a bola acabou subindo muito. Aos 16 minutos, outra chegada dos donos da casa, após bola levantada na área, Fio acertou uma bela cabeçada, mas o goleiro João Gabriel salvou o Cianorte.

Os donos da casa começaram a dominar a partida e pressionar o Leão do Vale. Mas o Cianorte também era perigoso nos contra-ataques e levava perigo. A pressão do Peixe deu resultado, aos 25 minutos, Jean cruzou na área e encontrou Magno Alves, o veterano atacante cabeceou a bola sem chances para o goleiro João Gabriel.

Após levar o gol, o Leão do Vale começou a sair mais para o jogo, em busca de conseguir o empate, mas não conseguia chegar com qualidade ao ataque. Mas a equipe do Tubarão conseguiu equilibrar a partida e não deixar o Leão do Vale crescer na partida e conseguir o empate.

FICHA TÉCNICA
TUBARÃO-SC 1 X 0 CIANORTE

Tubarão-SC: Júnior Belliato, Oliveira, Jorge Miguel, Petterson e Jean; Daniel Pereira, Parrudo(Magno Alves) e Guilherme Amorim; Italo(Laércio), Branquinho e Fio.
Técnico: Waguinho Dias

Cianorte: João Gabriel, Geronimo, Montoya, Feliphe Gabriel e Filipe Ramon; Jovany, Morelli(Edílson) e Carrilho; Maikinho, Eduardinho (Rodrigo Alves) e Thomas Anderson (Xavier).
Técnico: Marcelo Caranhato

Local: Estádio Domingos Silveira Gonzales, em Tubarão-SC.
Data/Horário: 22/04/2018 às 16h
Árbitro: Joedson de Jesus Oliveira (BA)
Assistentes: Carlos Eduardo Bregalda Gussen (BA) e Edevan de Oliveira Pereira (BA)

Público/Renda: 2.197 total/R$45.870,00
Cartões amarelos: Daniel Pereira, Jorge Miguel (Tubarão-SC). Eduardinho, Montoya, Feliphe Gabriel (Cianorte).
Gols: Magno Alves 25′ do 2º tempo para o Tubarão-SC

 

Foto: Robson Vilela/Redação em Campo

Siga em:
Maringá empata com
Na sua estreia em co

Formado em Jornalismo pela Unopar em 2015. Apaixonado por esporte e ainda mais pelo futebol, costumo acompanhar outros esportes como futsal, vôlei e também basquete. E adoro falar desse esporte tão apaixonante que é o futebol.

Classifique este artigo