Atlético-PR vence Santos na Arena da Baixada e sai da zona de rebaixamento

Atlético-PR e Santos fizeram na noite desta quinta-feira (31) o encerramento da oitava rodada do Campeonato Brasileiro da Série A na Arena da Baixada. No duelo de duas equipes da zona de rebaixamento com seis pontos, o Furacão levou a melhor e venceu por 2 a 0, gols de Thiago Heleno e Guilherme. Com a vitória, o time comandado por Fernando Diniz encerrou a série de nove jogos sem vitória e ainda saiu da ZR, agora com nove pontos é o 13º na tabela.

Na próxima rodada o Atlético enfrenta o América-MG no Estádio Independência, em Belo Horizonte, já o Santos recebe o Vitória na Vila Belmiro. As duas partidas estão marcadas para domingo (3), às 16h.

General marca e deixa Atlético-PR em vantagem

Os primeiros minutos na Arena foram de muito estudo dos dois lados, embora o Santos marcasse no campo atleticano, os mandantes mantiveram maior posse de bola ao longo da primeira etapa. A primeira chance de gol foi do time santista, aos 10 minutos. Em cobrança de escanteio na área, David Braz cabeceou e a bola passou rente a trave. Pouco tempo depois, Jean Mota tentou de fora da área, e chutou para fora.

Pelo lado do Atlético, a primeira oportunidade criada foi com bola na rede. Após rondar a área do Santos, mas encontrar dificuldades para finalizar, foi na bola parada a alternativa do Furacão. Aos 17 minutos, Carleto cobrou escanteio e Thiago Heleno, livre de marcação, cabeceou forte para o fundo do gol. Após uma sequência de gols contras no ano, o zagueiro se redimiu com a torcida.

Com mais espaços, Pablo teve a chance de fazer o segundo, porém Vanderlei espalmou. O goleiro do Santos também apareceu com destaque ao defender falta cobrada por Carleto. E quando Vanderlei não defendeu, a trave o ajudou. Após cruzamento de Guilherme, Nikão mandou de voleio e a bola explodiu no poste. Já na reta final, o time visitante seguia apostando em chutes de longa distância, pois não conseguia infiltrar na área paranaense. Em uma dessas finalizações, Gabriel tentou da meia-lua e chutou ao lado.

Bola parada decide mais uma vez

As equipes voltaram sem substituições para o segundo tempo, porém o Santos passou a marcar na pressão o Atlético. Na busca pelo empate, os santistas ameaçaram com Gabriel, aos 6 minutos, que recebeu cruzamento de Dodô e chutou por cima do gol. Já aos 8′ o Furacão foi fatal. Em cobrança de falta de Thiago Carleto, Vanderlei rebateu para frente, Guilherme apareceu sozinho, aproveitou o rebote e fez o segundo do Atlético-PR.

Com dois gols de vantagem, os mandantes tentaram valorizar mais a posse de bola, e só atacavam quando o Santos deixava espaços ao perder a bola no setor ofensivo. Do outro lado, o Peixe continuou com dificuldades no ataque, embora já tivesse mais posse de bola que o rival. Gabriel, o Gabigol, chegou a balançar a rede, mas estava impedido no lance após o goleiro Santos espalmar o chute de Jean Mota.

Encontrando espaços, o Atlético desperdiçou algumas oportunidades para ampliar. Aos 25′ Pablo tentou, chutou já desequilibrado e a bola passou perto do gol. Já aos 35 minutos o goleiro Vanderlei fez três boas defesas em sequência. Carleto chutou de longe, Vanderlei espalmou, Nikão ficou com o rebote, limpou a marcação perto da pequena área e finalizou, o goleiro novamente e espalmou e então Lucho também tentou e parou em mais uma grande defesa de Vanderlei, que não permitiu que o Furacão aumentasse o placar.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-PR 2X0 SANTOS

Atlético-PR: Santos; Wanderson, Thiago Heleno e José Ivaldo; Matheus Rossetto, Camacho, Lucho González (Bruno Guimarães) e Thiago Carleto; Nikão (Bergson), Guilherme (Raphael Veiga) e Pablo.
Técnico: Fernando Diniz.

Santos: Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, David Braz e Dodô; Diego Pituca (Léo Cittadini), Renato (Bruno Henrique) e Jean Mota; Gabriel, Eduardo Sasha e Rodrygo (Yuri Alberto).
Técnico: Jair Ventura.

Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Data/Horário: 31/05/2018 às 21h00
Árbitro: Savio Pereira Sampaio (DF)
Assistentes: Daniel Henrique da Silva Andrade (DF) e Ciro Chaban Junqueira (DF)

Público/Renda: 9.173 total | R$ 181.655,00
Cartões amarelos: Pablo (Atlético-PR). Bruno Henrique (Santos)
Gols: Thiago Heleno aos 17′ do 1º tempo e Guilherme aos 8′ do 2º tempo para o Atlético-PR

Foto: Miguel Locatelli/Atlético-PR Oficial.

Siga em:
Londrina espera leva
“Estou extremament

Formado em Jornalismo e Letras, estou no Redação em Campo desde 2013 e atualmente exerço a função de Coordenador de Jornalismo. Também sou professor de Língua Portuguesa.

Classifique este artigo