Após derrota, Sérgio Soares não é mais técnico do Londrina

Depois de ser derrotado para o Guarani, na noite da última sexta-feira (3), a diretoria do Londrina se reuniu com o técnico Sérgio Soares e acertaram a demissão do treinador do clube Alviceleste. No cargo desde 29 de junho, Sérgio ficou 37 dias a frente do Tubarão e em sete partidas conseguiu apenas uma vitória, que foi contra o Oeste. Soares conquistou seis pontos em sete rodadas e o clube pode terminar a rodada e o 1º turno dentro da zona de rebaixamento.

Em sete jogos a frente do Londrina, Sérgio Soares teve um aproveitamento muito abaixo de apenas 28,5% dos pontos disputados. Foram uma vitória, três empates e três derrotas. Em sua conta no Instagram, o treinador comunicou sua saída do Londrina e desejou sorte ao clube. “Desejo boa sorte ao Londrina na sequência da competição. Fui muito bem recebido aqui e agradeço a diretoria pela oportunidade”, destacou o ex-treinador do Tubarão nas redes sociais.

O treinador Sérgio Soares comunicou o desligamento do Londrina através do seu Instagram pessoal e desejou sucesso ao Tubarão. Foto: Arquivo Pessoal.

Junto com Sérgio, sua comissão técnica também se desliga do clube, os auxiliares Denys Facincani e Kaio Souza. Em 2018, Sérgio foi o terceiro treinador no comando do Alviceleste, antes dele Ricardinho, foi demitido em março e Marquinhos Santos saiu para o São Bento em junho.

O Tubarão só volta a campo na próxima sexta-feira (10), no Estádio Dilzon Melo, em Varginha (MG), contra o Boa Esporte, às 20h30, pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, a primeira rodada do 2º turno.

Foto: Gustavo Oliveira/ Londrina EC Oficial.

Siga em:
Operário joga contr
Coxa não segura pre

Jornalista, formado na Unopar em 2015. Nasci e moro em Londrina. Apaixonado por esportes. Gosto de praticar aquele futebolzinho de final de semana. Futebol não é apenas um esporte, mas sim uma forma de viver.

Classifique este artigo