A baixada do interior completa 25 anos

Estádio Municipal Dr. Waldemiro Wagner em construção. Foto: Prefeitura de Paranavaí

Falar de política na atualidade brasileira não é uma tarefa fácil. Escândalos de corrupção, troca de favores para benefício próprio, falta de dinheiro para a gestão pública. Tal realidade não era diferente há 25 anos, quando a cidade de Paranavaí recebia de braços abertos o Estádio Dr. Waldemiro Wagner, inaugurado em 23 de
setembro de 1992. O WW, assim como é conhecido, assumiu o lugar do Estádio Natal Francisco, casa do Atlético Clube Paranavaí (ACP) até então.

As obras de construção surgiram em 1991, em um grande terreno, bem localizado, próximo ao centro de Paranavaí. Tomado pela erosão, o então Prefeito Rubens Felippe topou a sua construção, em projeto elaborado por Claudionor Beatriz e executado pelo Prefeito (1993-1996) e Engenheiro Civil José Augusto Felippe. Inspirado nos estádios europeus e no Coliseu de Los Angeles, o WW tem uma característica fundamental: a proximidade das arquibancadas com o gramado e, por ser um estádio construído no nível abaixo do solo da região, a pressão exercida pela torcida é gigante (o que justifica o apelido de “baixada do interior”, dado por este escritor).

Primeiro jogo da final do Paranaense 2007 contra o Paraná Clube teve recorde de público no WW. Foto: Diário do Noroeste

A inauguração ocorreu em um jogo de gala: Brasil 4 x 2 Costa Rica, sendo o primeiro gol anotado pelo meio-campista do São Paulo, Raí. Apesar da pequena área coberta, o estádio é aconchegante e possui uma excelente infraestrutura projeto – porém não executada. Atualmente, faltam cadeiras, sanitários em boas condições, vestiários,
enfim, necessita de uma boa reforma. Destruída no final de 2005, a cobertura foi recuperada apenas em 2008 – e ainda carece de melhorias. O ano de 2007 foi fundamental para o ACP e para o WW: a coroação de grandes públicos com a conquista do Campeonato Paranaense pelo “Vermelhinho”, título este mais importante do futebol de Paranavaí. No primeiro jogo da final contra o Paraná Clube o recorde de público registrado: 23.725 espectadores. A atual capacidade gira em torno dos 20 mil espectadores.

De bom acesso e de ótima visibilidade – independente do local em que você esteja acompanhando as partidas, o WW ainda tem como características as inundações dos vestiários e dos gramados quando as chuvas são torrenciais e, sobretudo, a brisa no final da noite, típica dos estádios do interior. Sem dúvida, vale a pena conhecer e assistir partidas na “Baixada do Interior”.

Foto: Atlético Clube Paranavaí Oficial

Siga em:
Londrina completa 62
Com o futebol à la

Tiago Valenciano é Cientista Político por formação, mas apaixonado por futebol. Pesquisador sobre estádios de futebol, acompanha o futebol paranaense desde 2005.

Classifique este artigo